comentário:
Eu faço parte da geração nascida nos anos 70 (2ª metade) e como os Mrs. do VM eu cresci a ver os programas de Vasco Granja. Não sei porquê, aquele senhor de careca, de voz pausada, quase monocórdica, de óculos grandes, a falar em nomes de coisas e pessoas impronunciáveis, deixava-me siderada em frente à TV todos os sábados de manhã. A maior parte das vezes ficava a ver o programa porque tinha no fim aquela animação que para mim é das melhores de sempre - A PANTERA CÔR-DE-ROSA. Aguardava sempre, ansiosamente pelo fim do programa. Tenho saudades. E agora que sei da morte deste grande SENHOR sinto uma nostalgia grande e quero voltar ao tempo dos 2 canais, da TV a preto e branco, sentar-me em frente ao aparelho e ouvir e ver o Vasco a falar de bonecos checoslovacos, soviéticos, jugoslavos, em plasticina, em papel, feitos a tinta-da-china... MUITO OBRIGADA VASCO! Contigo cresci e aprendi muita coisa. Até sempre... (ps - A RTP devia dedicar um ciclo especial a este grande comunicador, seria uma justa homenagem).
SSF a 5 de Maio de 2009 às 19:38