O Blog da Escorregadela intelectual (versão 2.0)

27
Mar 09

Absolvido e candidato à reeleição. Segue o exemplo de Fátima Felgueiras (ao menos este não fugiu para o Brasil) e dá o exemplo a Isaltino Morais. Tudo malta porreira, tudo malta inocente. E como isto é cíclico, é chegada a altura de recuperar mais um post do VM original. Algures em Março de 2004, um autarca enraivecido dava um pontapé num banco ao assistir a um jogo de futebol. Acumulava na altura uma meia dúzia de cargos...

 

"Este homem é Marco de Canaveses. Que ninguém pense o contrário. Foram os gritos por justiça de milhares de marquenses que empurraram Avelino Ferreira Torres para dentro das quatro linhas do jogo Marco - Santa Clara. Avelino conseguiu, num dos momentos mais difíceis na história de Marco de Canaveses e do futebol português (e ainda por cima numa tarde só), representar condignamente não apenas diversas instituições de Marco de Canaveses como também outras de repercussão nacional e internacional. Senão vejamos o que verdadeiramente aconteceu: Avelino deslocou-se ao estádio enquanto Membro da Comissão Especializada de Infra-Estruturas, Urbanismo e Ambiente, da Associação Nacional de Municípios Portugueses. Preparava-se para testar as diversas instalações quando, surpreendido pela necessidade de se fazer justiça, assumiu o papel de super-herói da terra e iniciou um plano para intimidar o árbitro Nuno Almeida, um peão ao serviço do seu arqui-inimigo, o responsável pelas nomeações das equipas de arbitragem. Recuperado da necessidade de intervenção e da comoção inicial, retomou as obrigações que o levaram ao estádio: inspeccionar com diversos pontapés o material de apoio da equipa de arbitragem. Até aí tudo bem. Testado o material, que é dele, apercebeu-se da comoção que havia sido gerada. E foi aqui que as coisas escaparam ao controlo. Só o próprio Avelino com o seu sangue frio manteve a cabeça no lugar e percebeu o que tinha de ser feito. Indiferente à sua própria integridade física vestiu a carapuça de Comendador da Ordem Militar e Hospitalária de São João de Jerusalém (Cavaleiros Ecuménicos de Malta) e prestou escolta ao árbitro assim como auxílio médico. Mais tarde enquanto Presidente de Marco de Canaveses foi à SIC e à TVI prestar esclarecimentos. Em duas curtas conversas das quais se percebeu claramente que o pivot Paulo Camacho é um burro enganador e que a famosa "Bocas" da TVI não tinha feito o trabalho de casa, ficou evidente que Avelino é um homem da comunicação, bastante rotinado nestas andanças. O facto de ser o sócio fundador dos Jornais "Opinião Marcoense", "Voz Marcoense" e "A Verdade" assim como Presidente da Assembleia Geral da Rádio Marcoense foi por demais evidente. O Viajar não pode deixar de agradecer a este senhor, no rescaldo da sua esquizofrénica actuação, pela imagem deixada nas vésperas do EURO. Sigam o seu exemplo e comprovem no terreno (se for preciso telefonem a hooligans vossos amigos) que em Portugal "We love football!". O Avelino (a quem eu desejo uma boa viagem ao bilhar grande) mostrou-nos o caminho. Agora é sempre a andar!!! P.S. Avelino Ferreira Torres vai começar a ser julgado este mês depois de ter sido pronunciado por um juiz de instrução em Outubro de 2001 pelos crimes de peculato e abuso de poder. É acusado de ter utilizado, entre Outubro de 1995 e Junho de 1997, diversos trabalhadores camarários em obras particulares, durante as horas de serviço, bem como veículos e ferramentas que eram propriedade da autarquia."

Corrupção 15 - Justiça 0. Se ao menos já tivéssemos o novo Provedor...

Mr. White às 12:04

Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
21

22
28

29
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO