O Blog da Escorregadela intelectual (versão 2.0)

29
Abr 10

O mote serve para falar do escândalo que é a aprovação das ajudas de custo à deputada Inês de Medeiros para as suas viagens semanais a Paris, onde alegadamente reside.

Escândalo porquê?

1. Porque, a Sra. Deputada não foi eleita pelo círculo da emigração na Europa;

2. Porque, a Sra. Deputada foi eleita por Lisboa

3. Porque a Sra. Deputada apresentou como residência oficial a morada de Lisboa

4. Porque agora vem reivindicar o pagamento de ajudas de custo para viajar até Paris

5. Porque pretende que lhe seja aplicado, por analogia, o estatuto dos deputados das Ilhas

6. Porque, o Sr. Presidente da Assembleia da República diz que, apesar de não concordar, vai atribuir as ajudas de custo, tratando-se de uma situação excepcional e que não constitui precedente para outras situações

7. Porque é o meu dinheiro, e de todos os contribuintes, que pagam as ditas viagens da Sra. Deputada a Paris

8. Porque, sendo eu residente em Lisboa, não senti até agora qualquer efeito útil da presença da Sra. Deputada no Parlamento, em prol de Lisboa

9. Porque a Sra. Deputada está somente a servir de boneco articulado para defender todos os escândalos políticos que assombram o Governo

 

Porque, porque, porque...

 

Tantas razões poderiam ser apresentadas...

 

Infelizmente, no meio de tanto caso mediático, este tem passado um pouco ao lado, mas Ms. Brown não pode deixar de o apontar como mais um caso paradigmático do estado podre em que se encontram as nossas instituições democráticas e da forma como as mesmas são maltratadas por quem as representa!

Antes tivémos o escândalo das viagens fantasmas, que envolveram Luís Filipe Menezes do PSD (quem não se lembra da cena triste que preconizou ao ir para a TV com a mulher e filho, chorar lágrimas de crocodilo??!!)... depois, foi o escândalo das viagens dos acompanhantes dos deputados a países onde alegadamente aqueles estariam em trabalho, quando na verdade iam gozar férias...agora isto!

É assim que o nosso dinheiro é gasto? É assim que a Casa da República, onde altos tribunos fizeram história, é achincalhada?

Portugal está quase a bater no fundo. Cada vez mais o rating desce; cada vez mais nos aproximamos do exemplo da Grécia; cada vez mais, há incerteza quanto ao futuro político; cada vez mais há desilusão...

E, meus caros, um país deprimido, desiludido, sem esperança, é um país perdido!

Faça boas viagens Sra. Deputada (depois quando eu for a Paris, fico a dormir na sua residência!)...

Ms. Brown às 09:45

Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
17

18
20
24

26
27
28


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO