O Blog da Escorregadela intelectual (versão 2.0)

10
Ago 09

Foi na casa da minha avó Rosa que, com apenas sete anitos, dei a minha primeira gargalhada ao som de Raul Solnado. Na altura, não percebia muito bem as piadas, mas o tom de voz na gravação e as gargalhadas de fundo eram o suficiente para me deixar bem disposto. Numa salinha dos fundos, com o meu pai a rir-se a bandeiras despregadas e a minha avó a dizer qualquer coisa como "com a guerra não se brinca...", viviam-se momentos de magia ao som de um pequeno gira-discos. Ano após ano, as piadas foram entrando e a voz foi ficando. Senti-me cúmplice duma estratégia bem montada para por o país a rir. Obrigado Raul.

Está lá? É do inimigo?....

Mr. White às 12:16

Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
13
15

16
20
22

23
29

30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO