O Blog da Escorregadela intelectual (versão 2.0)

06
Jul 11

Ms. Brown está em choque! Acaba de saber que uma das grandes senhoras da política portuguesa faleceu vítima de cancro de pâncreas - Maria José Nogueira Pinto (MJNP).

Como os viajantes já sabem, Ms. Brown não tem grande simpatia pela asa direita da política mas, apesar disso não deixa de apreciar grandes vultos da política, mesmo de quadrantes opostos, pelo que fizeram, pela postura que tiveram ao longo da sua carreira política e pela forma respeitadora como trataram os seus adversários políticos, para além da inteligência que demonstraram ter.

Ora, MJNP era uma SENHORA. Tinha uma grande personalidade, não se deixava enlevar nos jogos mesquinhos da política e nos maquiavelismos de alguns líderes (e isso custou-lhe a liderança no CDS e a ruptura com Paulo Portas), era independente, defendia as suas causas, tinha uma grande inteligência e era muito culta. O seu desaparecimento vem empobrecer, a já por si pobre, política portuguesa. A Assembleia da República não será a mesma sem os debates onde MJNP intervinha sempre com fulgor e nos quais, muitas vezes, punha KO os seus oponentes políticos. Deixaremos de assistir aos seus comentários, sempre pertinentes, na televisão portuguesa. Vai deixar um enorme vazio...

E infelizmente, o seu falecimento ocorre na mesma altura em que nos deparamos com gentinha que não tem carácter para a política, que não chega nem ao calcanhar desta SENHORA que agora nos deixa. E Ms. Brown refere-se especificamente ao fernando nobre (propositadamente escrito em minúsculas e sem menção ao título académico!). Esta pessoa não merece qualquer tipo de apreço da parte de Ms. Brown, o que já aqui o demonstrou. Não faz jus ao apelido que carrega e só envergonhou e desrespeitou Portugal e os portugueses ao querer usar a Assembleia da República para prossecução dos seus próprios interesses! O episódio, caricato (é melhor rir para não chorar) de impor a condição de ser Presidente da Assembleia da República para estar nas listas do PSD, de não ter sido eleito (por duas vezes) por culpa dos seus pares, de ter renunciado ao lugar de deputado alegando ser mais útil nas causas humanitárias, revelaram tudo o que esta pessoa é: uma fraude!

Mas, como ele há outros a pespontar na política portuguesa. Infelizmente, há medida que o tempo passa e os bons políticos morrem ou  afastam-se da vida partidária, o país afunda-se nos jogos interesseiros de uns quantos "meninos", sem políticos que queiram assumir, desinteressadamente, a liderança do país  e que o representem de forma inteligente.

A política portuguesa está mais pobre. Faleceu uma "Dama de Ferro". Ms. Brown presta aqui a sua singela homenagem e deixa os sentidos pêsames à família enlutada. Aprendamos todos com as lições que esta SENHORA nos deu e assim a sua memória perdurará eternamente...RIP

 

Ms. Brown às 17:35

Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30

31


Posto de Escuta
pesquisar neste blog
 
Conta-gotas
Website counter
blogs SAPO