O Blog da Escorregadela intelectual (versão 2.0)

25
Abr 11

Hoje comemoram-se 37 anos da Revolução dos Cravos, do 25 de Abril de 1974. Passados estes anos todos, já são poucas as pessoas que se associam às comemorações ou que sentem a data como algo a assinalar. (In)felizmente, este ano o 25 de Abril coincidiu com o fim-de-semana de Páscoa, o que provocou um fim-de-semana prolongado com a debandada geral das pessoas para as terras e para o Algarve, deixando Lisboa vazia. Ms. Brown desconhece qual será a afluência de pessoas à manifestação tradicional na Av. da Liberdade, mas espera que sejam, pelo menos, tantas como as que se manifestaram no dia 12 de Março.

Em 37 anos de Democracia, Portugal passou por várias crises, mas provavelmente esta é a maior delas todas. Se no início, a Democracia ainda estava a estruturar-se, e por isso alguns problemas existiam necessariamente, agora que está consolidada, deparamo-nos com um desemprego enorme, com uma crise inigualável, com uma desilusão generalizada, o que não seria expectável!

Infelizmente, o 25 de Abril não é matéria dada nas escolas; relegada para o final do programa escolar da disciplina de História, os jovens hoje em dia desconhecem o que foi, o que se passou, porque de repente os militares se rebelaram, como foi possível uma revolução sem violência (salvo a morte de uma pessoa por disparos da GNR), o que eram as prisões políticas (Tarrafal, Peniche), o que foi a PIDE, etc. Desconhecem o que foi viver sem liberdade, sem poder dizer-se tudo o que se queria, viver no medo.

Ms. Brown, tendo nascido 2 anos depois da Revolução, no ano da Constituinte, sempre viveu de perto o 25 de Abril, pois o seu pai esteve activamente envolvido na luta pela democracia, escrevendo em jornais sob pseudónimo, estando integrado no PCP, tendo amigos que foram presos, torturados, e que, por feliz acaso, não foi preso pela PIDE porque, felizmente, se deu o 25 de Abril.

Por isso, Ms. Brown assinalará sempre esta data com orgulho, com emoção. O 25 de Abril não é só um dia no calendário, é um marco histórico, que por todos deve ser comemorado, recordado, e por que vale a pena lutar, pois lembra-nos sempre que as injustiças existem e que devem ser combatidas! 25 DE ABRIL, SEMPRE!

 

 

 

 

Ms. Brown às 13:59

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30


Posto de Escuta
pesquisar neste blog
 
Conta-gotas
Website counter
blogs SAPO